Scilab Home page | Wiki | Bug tracker | Forge | Mailing list archives | ATOMS | File exchange
Please login or create an account
Change language to: English - Français - 日本語 - Русский

Please note that the recommended version of Scilab is 6.0.1. This page might be outdated.
See the recommended documentation of this function

Ajuda do Scilab >> Funções de Saída > printf_conversion

printf_conversion

Especificações de conversão de mprintf, msprintf, mfprintf

Descrição

Cada especificação de conversão no parâmetro format de mprintf , msprintf , mfprintf possui a seguinte sintaxe:

  • Um sinal % (porcento).

  • Zero ou mais options (opções), que modificam o significado da especificação de conversão. A lista seguinte contem os caracteres option e seus significados:

  • Alinhe à esquerda, dentro do campo, o resultado da conversão.

  • Comece o resultado de uma conversão com sinal com um sinal (+ ou -).

  • Prefixe um caractere de espaço ao resultado se o primeiro caractere de uma conversão com sinal não for um sinal. Se ambas as opções (espaço) e + aparecerem, a opção (space) é ignorada.

  • Converta o valor para uma forma alternativa. Para as conversões c, d, i, s, e u, a opção # não possui efeito. Para a conversão o, # aumenta a precisão para forçar o primeiro dígito do resultado a ser 0 (zero). Para as conversões x e X, um valor não-nulo possui 0x ou 0X prefixado a ele. Para as conversões e, E, f, g, e G, o resultado sempre contém ponto decimal, Mesmo que nenhum dígito o siga. Para as conversões g e G, zeros por último não são removidos.

  • Aumente a largura do campo utilizando zeros à esquerda (seguindo qualquer indicação de sinal ou base) para as conversões d, i, o, u, x, X, e, E, f, g, e G; nenhum aumento de espaço é realizado. Se ambos os indicadores 0 e \- (barra) aparecerem, o indicador 0 é ignorado. Para as conversões d, i, o u, x, e X, se uma precisão for especificada, o indicador 0 também é ignorado.

  • Um string de dígitos decimais opcional que especifica a largura mínima do campo. Se o valor convertido tiver menos caracteres que a largura do campo, o campo é aumentado à esquerda até o comprimento especificado pela largura do campo. Se a opção de ajuste à esquerda for especificada, o campo é aumentado pela direita.

  • Uma precisão opcional. A precisão é um ponto . seguido por um string de dígito decimal. Se nenhuma precisão for fornecida, o parâmetro é tratado como 0 (zero). A precisão especifica:

    • O número mínimo de dígitos a aparecerem nas conversões d, u, o, x, ou X

    • O número de dígitos a aparecerem após o ponto decimal nas conversões e, E, e f

    • O número máximo de dígitos significativos para as conversões g e G

    • O número máximo de caracteres a serem impressos a partir de um string em uma convesão s

  • O caractere que indica o tipo de conversão a ser aplicada:

  • Não realiza conversão. Exibe %.

  • Aceita um valor inteiro e o converte para notação decimal com sinal. A precisão especifica o número mínimo de dígitos a aparecer. Se o valor sendo convertido puder ser representado em menos dígitos, ele é expandido com zeros à esquerda. A precisão padrão é 1. O resultado de se converter um valor zero com uma precisão de zero é um string nulo. A especificação de uma largura de campo com zero como caractere mais à esquerda faz com que o valor da largura do campo seja preenchido com zeros à esquerda.

  • Aceita um valor inteiro e o converte para a notação decimal sem sinal. A precisão especifica o número mínimo de dígitos a aparecer. Se o valor sendo convertido puder ser representado em menos dígitos, ele é expandido com zeros à esquerda. A precisão padrão é 1. O resultado de se converter um valor zero com uma precisão de zero é um string nulo. A especificação de uma largura de campo com zero como caractere mais à esquerda faz com que o valor da largura do campo seja preenchido com zeros à esquerda.

  • Aceita um valor inteiro e o converte para a sua notação octal sem sinal. A precisão especifica o número mínimo de dígitos a aparecer. Se o valor sendo convertido puder ser representado em menos dígitos, ele é expandido com zeros à esquerda. A precisão padrão é 1. O resultado de se converter um valor zero com uma precisão de zero é um string nulo. A especificação de uma largura de campo com zero como caractere mais à esquerda faz com que o valor da largura do campo seja preenchido com zeros à esquerda. Não é implicado um valor octal para a largura do campo.

  • Aceita um valor inteiro e o converte para a sua notação hexadecimal sem sinal. As letras ``abcdef'' são utilizadas para a conversão x; as letras ``ABCDEF'' são utilizadas para a conversão X. A precisão especifica o número mínimo de dígitos a aparecer. Se o valor sendo convertido puder ser representado em menos dígitos, ele é expandido com zeros à esquerda. A precisão padrão é 1. O resultado de se converter um valor zero com uma precisão de zero é um string nulo. A especificação de uma largura de campo com zero como caractere mais à esquerda faz com que o valor da largura do campo seja preenchido com zeros à esquerda.

  • Aceita um valor float ou double e o converte para a sua notação decimal no formato %[\-]ddd.ddd. O número de dígitos após o ponto decimal é igual à especificação de precisão.

  • Se nenhuma precisão for especificada, a saída possui seis dígitos

  • Se a precisão for zero, nenhum ponto decimal aparece e o sistema imprime na saída o valor inteiro mais próximo de value.

  • Se a saída possui um ponto decimal, pelo menos um dígito é posto antes dele.

  • Aceita um real e o converte para a sua forma exponencial %[\-]d.ddde+/\-dd. Há um dígito antes do ponto decimal, e o número de dígitos após o ponto decimal é igual à especificação de precisão.

  • Se nenhuma precisão for especificada, a saída são seis dígitos

  • Se a precisão for zero, nenhum ponto decimal aparece.

  • A caractere de conversão E produz um número com o caractere 'E', ao invés de 'e' antes do expoente. O expoente sempre contém pelo menos dois dígitos. Se o valor for zero, o expoente é zero.

  • Aceita um real e o converte no estilo dos caracteres de conversão e, E, ou f, com a precisão especificando o número de dígitos significativos. Zeros por último são removidos. Um ponto decimal aparece apenas se for seguido de um dígito. O estilo depende do valor convertido. O resultado é o estilo e (E, se G é o indicador utilizado) apenas se o expoente resultante da conversão for menor do que -4, ou se for maior do que ou igual à precisão.

  • Aceita e exibe um valor inteiro convertido em um caractere.

  • Aceita um valor string e exibe caracteres do string até o fim ou até que o número de caracteres indicados pela precisão seja alcançado. Se nenhuma precisão for especificada, todos os caracteres até o fim são exibidos.

Uma largura de campo ou uma precisão podem ser indicadas por * (asterísco) ao invés de um string de dígito. Neste caso, um parâmetro de valor inteiro provê a largura do campo ou a precisão. O parâmetro de valor convertido para saída não é buscado até que a letra de conversão seja alcançada, então os parâmetros especificando o comprimento de campo ou precisão devem aparecer antes do valor a ser convertido (se houver algum).

Se o resultado da conversão for maior que a largura do campo, o campo é expandido para conter o resultado convertido.

A representação do sinal de mais depende da opção de formatação especificada, se + ou (espaço).

Ver Também

  • mprintf — converts, formats, and writes data to the main scilab window
  • mfprintf — converts, formats, and writes data to a file
  • msprintf — converts, formats, and writes data in a string
Scilab Enterprises
Copyright (c) 2011-2017 (Scilab Enterprises)
Copyright (c) 1989-2012 (INRIA)
Copyright (c) 1989-2007 (ENPC)
with contributors
Last updated:
Tue Feb 14 15:09:46 CET 2017