Scilab Home page | Wiki | Bug tracker | Forge | Mailing list archives | ATOMS | File exchange
Please login or create an account
Change language to: English - Français - 日本語 - Русский

Please note that the recommended version of Scilab is 6.0.1. This page might be outdated.
See the recommended documentation of this function

Ajuda do Scilab >> Equações Diferenciais > daeoptions

daeoptions

ajusta opções para o solucionador de equações diferenciais algébricas

Seqüência de Chamamento

daeoptions()

Descrição

Se no contexto do chamamento da função dae existe a variável %DAEOPTIONS, a função dae a utiliza para ajustar suas opções.

A função daeoptions exibe interativamente um comando que deveria ser executado para se ajustar diversas opções do solucionador dae.

CUIDADO: a função dae verifica se esta variável existe e, neste caso, a utiliza. Para utilizar valores padrões, você deve limpar esta variável. Note que daeoptions não cria esta variável. Para criá-la, você deve executar a linha de comando exibida por daeoptions.

A variável %DAEOPTIONS é uma lista list com os seguintes elementos:

list(tstop,imode,band,maxstep,stepin,nonneg,isest)

O valor padrão é:

list([],0,[],[],[],0,0)

Os siginificados destes elementos são listados abaixo.

tstop

um escalar real ou uma matriz, fornece o tempo máximo para o qual se permite a avaliação de g. Uma matriz vazia significa que "não há limites" impostos pelo tempo.

imode

Se for 0, dae retorna apenas os valores de pontos do tempo especificado pelo usuário. Se for 1, dae retorna seus valores intermediários computados.

band

um vetor de dois componentes que fornece a definição [ml,mu] da matriz de bandas computada por jac ;

r(i - j + ml + mu + 1,j) = dg(i)/dy(j)+cj*dg(i)/dydot(j) . Se jac retorna uma matriz completa ajustado band=[]

maxstep

um escalar ou matriz vazia, o tamanho máximo do passo. Uma matriz vazia indica ausência de limitiação.

stepin

um escalar ou matriz vazia, o tamanho mínimo do passo. Uma matriz vazia indica "não especificado".

nonneg

um escalar, deve ser ajustado para 0 se asolução se conhece ser não negativa. Ecaso contrário, deve ser ajustado para 1.

isest

A scalar, deve ser ajustado para 0 se a dada condição inicial é compatível: g(t0,x0,xdot0)=0. Deve ser ajustado para 1 se xdot0 é apenas uma estimativa.

Ver Também

Scilab Enterprises
Copyright (c) 2011-2017 (Scilab Enterprises)
Copyright (c) 1989-2012 (INRIA)
Copyright (c) 1989-2007 (ENPC)
with contributors
Last updated:
Wed Apr 01 10:24:14 CEST 2015